Os Sete Ramos do Cooperativismo



As cooperativas atuam em diversos setores da economia e, para facilitar sua organização e representação, as cooperativas foram divididas em sete ramos, conforme descrição a seguir:  



Agropecuário

 

O ramo Agropecuário reúne cooperativas relacionadas às atividades agropecuária, extrativista, agroindustrial, aquícola, pesqueira e ETECs.  O papel da cooperativa é receber, comercializar, armazenar e industrializar a produção dos cooperados. Além, é claro, de oferecer assistência técnica, educacional e social.

 

159 Cooperativas | 143.033 Cooperados | 14.393 Colaboradores 

  

 

Crédito

 

O negócio, aqui, é promover a poupança e oferecer soluções financeiras adequadas às necessidades de cada cooperado. Sempre a preço justo e em condições vantajosas para os associados. Afinal, o foco do cooperativismo de crédito são as pessoas, não o lucro.

 

211 Cooperativas | 1.242.462 Cooperados | 7.525 Colaboradores

  

 

Transporte

 

Formado por cooperativas que atuam na prestação de serviços de transporte de cargas e passageiros. Essas cooperativas têm gestões específicas para cada uma de suas modalidades: transporte individual (táxi e moto táxi), transporte coletivo (vans, micro-ônibus e ônibus), transporte de cargas ou motofrete e transporte escolar.

 

158 Cooperativas | 24.482 Cooperados | 4.353 Colaboradores

  

 

Trabalho, Produção de Bens e Serviços

 

Aqui está a maior das mudanças no processo de modernização. Esta é a nova denominação do antigo ramo "Trabalho". A partir de agora, esse novo ramo engloba as cooperativas que prestam serviços especializados a terceiros ou que produzem bens, tais como beneficiamento de material reciclável e artesanatos, por exemplo. Ele reúne todas as cooperativas de professores e dos antigos ramos: produção, mineral, parte do turismo e lazer e, por fim, especial.

 

207 Cooperativas | 91.183 Cooperados | 359 Colaboradores

  

 

Saúde

 

O Brasil é referência neste ramo. Além de sermos pioneiros no setor, somos o país com maior número de cooperativas dedicadas à preservação e à promoção da saúde humana. O segmento surgiu no Brasil e se expandiu para outros países. Com a modernização, o novo ramo "Saúde" reúne cooperativas formadas por médicos, odontólogos ou profissionais ligados à área de saúde humana – enquadrados no CNAE 865 – e também as cooperativas de usuários que se reúnem para constituir um plano de saúde, pois são consideradas operadoras.

 

173 Cooperativas | 41.335 Cooperados | 35.132 Colaboradores

 

 

Consumo

 

Este ramo é composto por cooperativas que realizam compra em comum, tanto de produtos quanto de serviços para seus cooperados (supermercados e farmácias, por exemplo). Engloba, também, as cooperativas formadas por pais para contratação de serviços educacionais e também aquelas de consumo de serviços turísticos. A principal alteração deste ramo foi a inclusão dos antigos "Educacional" e "Turismo e Lazer".

 

60 Cooperativas | 1.575.652 Cooperados | 9.541 Colaboradores

 

 

Infraestrutura

 

Formado por cooperativas que fornecem serviços essenciais para seus associados, como energia e telefonia, por exemplo. Seja repassando a energia de concessionárias ou gerando a sua própria, esses empreendimentos garantem o acesso dos cooperados a condições fundamentais para seu desenvolvimento. A principal alteração neste ramo foi a incorporação do antigo "Habitacional". Com isso, passa a incluir as cooperativas de construção de imóveis para moradia.

 

67 Cooperativas | 108.887 Cooperados | 1.157 Colaboradores

 

 

Fonte: Sistema Ocesp, 2020